Instituto Vital Brasil

Quem somos

O Instituto Vital Brazil é uma instituição de ciência e tecnologia do Governo do Estado do Rio de Janeiro ligado à Secretaria de Estado de Saúde. É um dos 21 laboratórios oficiais brasileiros, um dos quatro fornecedores de soros contra o veneno de animais peçonhentos e produtor de medicamentos estratégicos para o Ministério da Saúde.

Com sede em Niterói, o Instituto foi criado em 1919, pelo cientista Vital Brazil Mineiro da Campanha, e possui, hoje, outras seis filiais.

Sua missão é contribuir para a promoção da saúde por meio de pesquisa, difusão de conhecimento científico e fabricação de produtos, com ética e responsabilidade social e ambiental.

Sua visão é ampliar seu papel de referência em saúde, ciência e tecnologia por meio de uma gestão inovadora e participativa.

Produtos

Soros

  • Soro Antibotrópico – contra veneno das jararacas (incluindo as jararacuçus, urutus, caiçacas e jararacas pintadas)
  • Soro Anticrotálico – contra veneno das cascavéis
  • Soro Antibotrópico – Crotálico – contra veneno de jararacas e cascavéis
  • Soro Antibotrópico – Laquético – contra veneno das jararacas e surucucus
  • Soro Antilatrodético – contra veneno da aranha viúva-negra
  • Soro Antiescorpiônico – contra veneno do escorpião amarelo
  • Soro Antitetânico – contra tétano
  • Soro Antirrábico – contra raiva

Futura produção: soro antiapílico – contra o veneno de abelhas africanas

Medicamentos e Produtos para a Saúde

Por meio de Parcerias de Desenvolvimento Produtivo (PDPs), o Instituto produz medicamentos estratégicos e produtos para a Saúde que são entregues ao Ministério da Saúde para distribuição gratuita aos pacientes do Sistema Único de Saúde (SUS).

  • Imatinibe – contra Leucemia Mieloide Crônica e Tumor gastrointestinal
  • Rivastigmina – contra Alzheimer

 

O Parque visa a ampliar no estado o número de projetos, produtos e serviços de base biotecnológica, oferecendo oportunidades aos empreendimentos startups e estabelecendo parceria com as empresas já solidificadas por meio da incubação ou associação ao parque. Essas empresas terão à disposição toda infraestrutura das instituições parceiras. Futuras produções:

  • Dispositivo de Hiportemia – Combate a expansão da morte do tecido nervoso cerebral e facilita o transporte dos pacientes para hospitais especializados, em caso de acidentes.
  • Tb-catch – Diagnóstico de Tuberculose
  • Adalimumabe* – Artrite Reumatoide
  • Bevacizumabe* – Oncológico + Degeneração Macular
  • Biotina – Deficiência de biotinidase
  • Cetuximabe* – Oncológico
  • Etanercepte* – Artrite Reumatoide
  • Infliximabe* – Artrite Reumatoide
  • Octreotida* – Acromegalia
  • Rituximabe* – Artrite Reumatoide
  • Solução para preservação de órgãos – Solução para preservação de órgãos abdominais destinados ao transplante
  • Trastuzumabe* – Oncológico
  • Lamivudina + Zidovudina – Antirretroviral
  • Tenofovir – Antirretroviral
  • Tenofovir + Lamivudina – Antirretroviral
  • Tenofovir + Lamivudina + Efavirenz – Antirretroviral

*Todos estes medicamentos produzidos pelo Instituto Vital Brazil são de base biotecnológica.

 

Outros

Desenvolve outros produtos de base biotecnológica:

  • Triagem em papel de filtro para exames de pré-natal em gestantes
  • Fitoterápicos, entre outros.

 

A biotecnologia na empresa

O Instituto Vital Brazil, em parceria com a Universidade Federal Fluminense (UFF), a Empresa de Pesquisa Agropecuária do Estado do Rio de Janeiro (Pesagro) e a Secretaria de Ciência e Tecnologia de Niterói (SMCT), criou o Parque Tecnológico da Vida (PTV) em 2010. O objetivo é sediar empreendimentos de pesquisa e desenvolvimento de micro e pequenas empresas de base tecnológica, unidades de PD&I de empresas, unidades de produção, facilidades compartilhadas e centros de capacitação de pessoas.

O Parque visa a ampliar no estado o número de projetos, produtos e serviços de base biotecnológica, oferecendo oportunidades aos empreendimentos startups e estabelecendo parceria com as empresas já solidificadas por meio da incubação ou associação ao parque. Essas empresas terão à disposição toda infraestrutura das instituições parceiras.